Vitamina c para criança

A importância da vitamina C para crianças vai muito além do seu papel de ajudar a fortalecer a imunidade. Esse nutriente é essencial para uma infância saudável e para estimular o bom desenvolvimento do organismo.

Para os bebês, toda vitamina C necessária vem do leite materno. A partir da introdução alimentar, frutas e legumes são fontes nutritivas que precisam fazer parte da dieta infantil, oferecendo a quantidade diária recomendada de forma natural.

Apesar disso, algumas crianças podem apresentar falta de vitamina C, seja por recusar certos alimentos ou por apresentar condições de saúde que dificultam sua absorção. Nesse caso, dar suplemento de vitamina C para elas é uma possibilidade. Mas será que isso é seguro?

É isso que vamos ver nesse post, que busca esclarecer suas dúvidas sobre qual a melhor vitamina C para crianças, o que a falta desse nutriente pode causar e se a suplementação é uma alternativa autorizada pelos médicos.

Lembre-se que o conteúdo serve apenas para informar. Com isso, antes de dar vitamina C para crianças, fale com o pediatra para saber se isso é uma possibilidade e como fazer de forma segura, para preservar a saúde infantil.

Aproveite a leitura!

O que é a vitamina C?

A vitamina C é um nutriente hidrossolúvel, que se dissolve na água, encontrado amplamente em legumes, verduras e frutas cítricas. Também conhecido como ácido ascórbico, é crucial para a saúde e bem-estar de crianças e adultos.

Ela auxilia a absorção de ferro, melhora a cicatrização da pele, estimula a produção de colágeno e ajuda a desenvolver um sistema imunológico mais eficiente, contribuindo para a produção de células de defesa e anticorpos.

A absorção desse nutriente acontece nos intestinos e o aproveitamento é excelente. No entanto, o ciclo de vida médio da vitamina C no corpo dura de 10 a 20 dias, que é relativamente curto, exigindo a ingestão regular para manter as reservas em alta.

Quais os benefícios da vitamina C?

A vitamina C atende muitos propósitos no organismo, participa da formação de diversos tecidos e químicos essenciais para nossa saúde, além de desempenhar funções biológicas de grande importância.

De modo geral, podemos citar os seguintes benefícios da vitamina C para a saúde:

  • estimula a produção de colágeno, proteína crucial para a formação e manutenção de tecidos orgânicos, como pele, ossos, córneas, retina, cartilagens, tendões e muitos outros;
  • ajuda a síntese de carnitina, um componente que auxilia o transporte de energia para os músculos;
  • auxilia no controle do colesterol, transformando-o em ácido biliar;
  • estimula a produção e melhora a atividade de neurotransmissores essenciais para a saúde do sistema nervoso;
  • possui ação antioxidante, capaz de prevenir o envelhecimento precoce das células;
  • ajuda a quebrar moléculas de ferro e melhora a absorção do mineral, participando do combate à anemia;
  • pode ajudar a prevenção de infecções respiratórias, doenças cardiovasculares e diversos tipos de câncer;
  • melhora a resposta imunológica e promove a produção de anticorpos, linfócitos e vários tipos de glóbulos brancos.

O que é a deficiência de vitamina C?

A deficiência de vitamina C é causada pela baixa ingestão desse nutriente ou por problemas de saúde que dificultam sua absorção através do metabolismo. Por ser de grande importância para muitas funções do organismo, a sua falta reflete diretamente em nosso bem-estar.

Quando a vitamina C está com níveis baixos por semanas ou mesmo alguns meses, a pessoa pode apresentar cansaço excessivo e pouca energia, dores nas articulações, redução na definição dos músculos, irritabilidade, mau-humor, má cicatrização e alto risco de anemia.

Também é possível notar tecidos fracos ou ressecados, principalmente a pele, unhas, cartilagens e cabelos.

Se a situação não for tratada, pode atingir níveis graves e causar o escorbuto, uma doença caracterizada pela deficiência severa de vitamina C, que provoca o surgimento de hematomas e sangramentos sob a pele, amolecimento dos dentes, problemas de gengiva, descamação na pele e alto risco de desenvolver infecções graves.

Qual a importância da vitamina C para crianças?

De modo geral, o desenvolvimento saudável durante a infância depende diretamente da ingestão de nutrientes e a vitamina C para crianças é uma substância essencial.

Ela serve para desenvolver ossos e dentes saudáveis, essenciais para o crescimento infantil, sem mencionar o seu papel na produção de colágeno, que participa da formação de tecidos como pele, tendões, mucosas, cartilagens e vasos sanguíneos.

Também é importante contar com a vitamina C para crianças evitarem a anemia, causada pela deficiência de ferro, uma vez que esse nutriente ajuda a absorção mineral.

O que a falta de vitamina C causa em crianças?

Crianças que sofrem com a falta de vitamina C podem ter o crescimento e desenvolvimento prejudicados. Em casos mais graves, podem apresentar desânimo, fraqueza, irritabilidade, lentidão e dificuldade de cicatrização.

Além disso, há maior risco de anemia e elas tendem a ficar doentes com frequência ainda maior, o que acontece pela imunidade imatura não se desenvolver adequadamente.

Dose de vitamina C para crianças: qual a quantidade recomendada?

A dose de vitamina C para crianças deve ser definida de acordo com a tabela de recomendação diária do nutriente, que é dividida de acordo com a idade. Confira:

Idade

Quantidade recomendada

0-6 meses

40 mg

7-12 meses

50 mg

1-3 anos

15 mg

4-8 anos

25 mg

9-13 anos

45 mg

14-18 anos

75 mg / 65 mg

Antes de abordar efetivamente se crianças podem tomar vitamina C em suplemento, é válido destacar que até os 6 meses de idade, os bebês devem se alimentar apenas do leite materno, que é a principal fonte de nutrientes.

Criança pode tomar vitamina C em suplementos?

A melhor forma de oferecer qualquer nutriente para os pequenos é estimulando uma alimentação saudável, diversificada e com base em ingredientes naturais. No entanto, sabemos que é mais fácil falar do que fazer.

As crianças podem demonstrar resistência e dificuldade de aceitar certos alimentos, principalmente frutas e legumes. Com isso, elas têm o risco de desenvolver uma deficiência nutritiva, prejudicando o seu desenvolvimento saudável.

Além disso, pode ser que ela apresente dificuldade em sintetizar e absorver a vitamina C, exigindo quantidades maiores desse nutriente na ingestão diária. De modo geral, problemas de tireoide, alta frequência de infecções e diarréia prolongada podem ter esse efeito.

Para resolver o problema, é possível consultar o seu pediatra para avaliar o quadro e indicar um suplemento de vitamina C infantil. Com isso, podemos afirmar que crianças podem tomar vitamina C, desde que em dosagens adequadas e sempre com acompanhamento médico.

Como dar vitamina C para crianças?

A melhor forma de dar vitamina C para crianças é avaliar a apresentação mais adequada e escolher um suplemento com a fórmula ideal para atender as necessidades do organismo infantil, que podem incluir outros nutrientes.

Quanto à apresentação, temos suplementos em gotas, gomas, comprimidos efervescentes e até pastilhas, vale conferir qual tem mais chances da criança aceitar.

A dosagem e a formulação devem seguir estritamente a prescrição médica para não causar riscos à saúde da criança. Além disso, é muito importante dedicar-se no desenvolvimento do paladar e aceitação da criança, para que ela se interesse por fontes naturais de vitamina C.

Alimentos com mais vitamina C para a dieta infantil

A vitamina C está presente em abundância em frutas, legumes e hortaliças, garantindo uma excelente variedade de alimentos ricos em ácido ascórbico, que podem compor a dieta infantil e garantir todos os nutrientes que as crianças precisam.

Entre os destaques na lista de alimentos com mais vitamina C, temos algumas frutas e legumes que podem ser mais atrativos ao paladar infantil, melhorando as chances dos pequenos demonstrarem interesse por eles. Confira nossas sugestões:

Morango

Muito suculentos e saborosos, os morangos podem conter cerca de 49 mg de vitamina C em uma porção de 100 gramas da fruta. Podem ser acrescentados ao iogurte, cereal e utilizados para o preparo de vitaminas e smoothies com uma aparência colorida e muito atrativa.

Melancia

A melancia é ótima para as crianças, pois contém vitamina C, cálcio, magnésio, potássio e muitos outros nutrientes, além de servir como fonte de fibras e água. O ideal é aproveitar a alta concentração de líquidos e o sabor naturalmente doce da fruta para preparar um suco sem adição de açúcares.

Manga

A manga também é uma ótima alternativa para o cardápio infantil, pois é colorida, chamativa, doce e muito nutritiva, com vitamina C, fibras, magnésio, potássio e muitos outros nutrientes. Pode ser cortada em cubinhos ou mesmo utilizada no preparo de vitaminas.

Laranja

A laranja é a fonte de vitamina C mais famosa, porém, o sabor azedo pode dificultar o consumo infantil. Para driblar isso, você pode usá-la no preparo de sucos, adicionando mel para adoçar e outras frutas que dão uma cor e sabor mais interessantes.

Kiwi

O kiwi tem uma concentração maior de vitamina C que a laranja. Não é campeão de popularidade com os pequenos, mas é uma boa alternativa para montar saladas de frutas bem coloridas e diversificadas, com alto valor nutritivo.

Brócolis cozido

Passando brevemente pelos legumes, o brócolis é uma excelente fonte de vitamina C, além de apresentar alto teor de cálcio, ferro e vitaminas A, E e K. Nem toda criança gosta e até alguns adultos viram a cara, mas seu valor nutricional compensa o esforço.

Uma boa ideia é apelar para o lado lúdico e aproveitar a imaginação das crianças, para estimular o consumo deste vegetal, já que ele parece pequenas árvores e oferece uma possibilidade de transformar a refeição em algo mais divertido.

Batata

Uma porção de batatas assadas pode conter cerca de 17 mg de vitamina C. Apesar de não ser uma campeã desse nutriente, é uma alternativa que pode ser inserida com facilidade em diversas refeições, garantindo a ingestão do nutriente.

Como incentivar a criança a se alimentar melhor? 

Mesmo que seja possível oferecer suplementos de vitamina C para crianças, trabalhar o paladar infantil para que os pequenos aceitem uma dieta mais natural e diversificada é muito importante para se desenvolverem com saúde, contando com alimentos que aumentam a imunidade.

Além disso, quanto mais cedo elas se acostumam a comer alimentos saudáveis, maiores as chances de levarem esse hábito para a vida toda.

Para vencer esse desafio, temos algumas dicas para os pais:

  1. Tenha paciência e tente várias vezes, a introdução alimentar é um processo longo, mas que vale a pena;
  2. Use e abuse da criatividade, elaborando diferentes pratos e apresentações para descobrir o que a criança gosta e aceita com mais facilidade;
  3. Ofereça estímulos visuais, oferecendo pratos bem coloridos para chamar a atenção das crianças;
  4. Também incentivo o toque, permitindo que a criança coma sozinha, usando as mãos, mesmo que faça bagunça;
  5. Transforme a refeição em um momento divertido e prazeroso, com brincadeiras e bastante contato;
  6. A criança pode aprender observando, por isso, sirva de exemplo e mostre como uma alimentação saudável pode ser gostosa;
  7. Quando as crianças começarem a aprender, uma boa ideia é convidar os pequenos para preparar alimentos, estimulando uma boa relação com a comida.

Entretanto, falando que assim será fácil e o resultado é garantido, mas é um bom começo para desenvolver hábitos saudáveis de alimentação desde a infância. Por isso, tenha paciência e dedique seu tempo para começar desde cedo.

Assim, vamos finalizar esse post sobre a importância da vitamina C para crianças. De modo geral, esse é um dos nutrientes essenciais para o desenvolvimento saudável dos pequenos, uma necessidade que deve ser atendida da melhor forma possível, seja com a alimentação ou suplementos.

Em todo caso, conte com seu pediatra para orientá-lo corretamente. Para mais dicas sobre alimentação saudável, vitaminas e bem-estar para todas as idades, confira outras postagens do Portal da Saúde.

Imagem ilustrativa com embalagens dos produtos Benegrip Multi, Benegrip Multi Febre e Dor, Benegrip Imuno Kids e Benedesc

Encontre o Benegrip ideal para você

Imagem da embalagem de Benegrip.

Benegrip®

O poder dos dois comprimidos
Benegrip® combate de maneira eficaz os sintomas de gripes e resfriados.1

Encontre aqui Saiba mais
Imagem da embalagem de Benegrip® Multi Dia.

Benegrip® Multi Dia

Combate os sintomas de gripes e resfriados, com um potente* efeito analgésico e descongestionante, sem dar sono4.

Encontre aqui Saiba mais
Imagem da embalagem de Benegrip® Multi Noite.

Benegrip® Multi Noite

Combate os sintomas de gripes e resfriados com um potente* efeito analgésico, descongestionante e antialérgico, para ajudar a dormir melhor5.

Encontre aqui Saiba mais

Suplemento Alimentar

Embalagem do Benegrip® Imuno Energy

Benegrip® Imuno

Cuida da sua imunidade e energia para te ajudar na recuperação da gripe.

Encontre aqui Saiba mais