aprenda-a-tratar-corretamente-gripes-e-resfriados

Gripes e resfriados são doenças respiratórias extremamente comuns, principalmente nos meses de outono e inverno, quando o clima frio e seco facilita a propagação dos vírus causadores dessas infecções.

Embora ambas possam provocar quadros de sintomas bem parecidos, é importante saber quais as diferenças entre gripe e resfriado, para se cuidar adequadamente em cada situação. Quer tirar suas dúvidas sobre o assunto? Então continue lendo!

O que é mais forte: gripe ou resfriado?

Antes de abordar as diferenças entre gripes e resfriados, é importante destacar qual dessas infecções é mais grave e capaz de causar um quadro mais forte. O resfriado atinge o sistema respiratório superior, da faringe até as fossas nasais, enquanto a gripe atinge toda sua extensão, podendo chegar até os pulmões.

Dessa forma, é possível afirmar que a gripe é mais preocupante. Além de provocar sintomas mais intensos e prolongados, quando não tratada corretamente, pode levar a complicações graves, como pneumonia.

Por outro lado, o resfriado passa mais rápido, causa um mal-estar mais moderado e as complicações comuns incluem inflamações secundárias, como sinusites, faringites e otites, que podem ser tratadas com mais tranquilidade.

Qual a diferença entre gripe e resfriado?

Apesar de muita gente achar que a gripe é um resfriado forte, é importante destacar que essas são doenças diferentes. A gripe é causada exclusivamente pelo vírus da Influenza, enquanto o resfriado é um tipo de virose com muitos causadores, são mais de 200 vírus diferentes que podem provocar esse tipo de infecção.

Além das diferenças já citadas, o resfriado desaparece entre dois e quatro dias, já a gripe pode permanecer por até duas semanas, sendo mais comum durar entre cinco e sete dias.

Também podemos antecipar a distinção dos sintomas, que além de serem mais fortes na gripe, incluem a febre alta com início súbito, enquanto mesmo a febre baixa é rara no resfriado.

Quais são os sintomas de gripes e resfriados?

De modo geral, gripes e resfriados podem provocar sintomas similares, variando de intensidade e duração do quadro. Além disso, cada pessoa pode ser afetada de maneira diferente, nem sempre teremos a mesma lista de queixas.

Dito isso, os sintomas mais comuns de gripes e resfriados são:

  • gripe: febre alta e repentina, dor de cabeça, dor no corpo, garganta inflamada, fadiga intensa, tosse, espirros, nariz escorrendo e congestão nasal;
  • resfriado: dor de cabeça, coriza, congestão nasal, tosse, garganta dolorida ou inflamada, fadiga moderada e espirros.

O que é bom para gripes e resfriados?

Como não existe nenhum medicamento capaz de curar as duas doenças respiratórias, o primeiro passo é recorrer aos analgésicos e antitérmicos, como o Benegrip, para o alívio dos sintomas.

Agora, se você quiser potencializar o efeito do medicamento, outras atitudes são bem-vindas, como repousar, incluir frutas, legumes e verduras no cardápio alimentar diário e hidratar o corpo com bastante água, sucos naturais e chás.

Caso você não tenha apetite, tente consumir sopas e caldos de legumes. Isso porque a combinação dessas três atitudes vai te ajudar a fortalecer o sistema imunológico, contribuindo para uma recuperação mais rápida do organismo.

Prevenção e cuidados com gripe e resfriado

As dicas não param por aqui. Evite transmitir a doença para outras pessoas, cobrindo com lenço de papel descartável o nariz e a boca ao tossir e espirrar.

Se isso não for possível, a segunda alternativa é proteger a região com a área interna do braço e antebraço, onde fica o cotovelo. Agora, se mesmo assim, você esquecer e usar as mãos para tampar a boca na hora do espirro, evite tocar em qualquer objeto antes de higienizá-las com água e sabão.

Pessoas gripadas ou resfriadas não devem compartilhar objetos de uso pessoal, como talheres, pratos, copos ou garrafas, com ninguém. Para agilizar a recuperação, o ideal mesmo é ficar em casa de repouso nos primeiros dias da doença e manter distância das pessoas, especialmente de crianças, idosos, gestantes e portadores de doenças crônicas.

Caso você não possa ficar em casa descansando, mantenha sempre os ambientes bem ventilados e arejados, evite frequentar locais com aglomerações de pessoas e lave com mais frequência as mãos.

Com isso, vamos finalizar esse guia rápido sobre gripes e resfriados. Nesse post você conferiu as principais diferenças entre os sintomas, cuidados importantes para o tratamento e medidas para prevenir a propagação de doenças respiratórias.

Esperamos que tenha gostado da leitura e tirado suas dúvidas sobre o tema. Para mais dicas como essa, confira outros conteúdos no blog Portal da Saúde. Até mais!

Imagem ilustrativa com embalagens de todos os produtos Benegrip

Encontre o Benegrip ideal para você

Imagem da embalagem de Benegrip.

Benegrip®

O poder dos dois comprimidos
Benegrip® combate de maneira eficaz os sintomas de gripes e resfriados.1

Encontre aqui Saiba mais
Imagem da embalagem de Benegrip® Multi Dia.

Benegrip® Multi Dia

Combate os sintomas de gripes e resfriados, com um potente* efeito analgésico e descongestionante, sem dar sono4.

Encontre aqui Saiba mais
Imagem da embalagem de Benegrip® Multi Noite.

Benegrip® Multi Noite

Combate os sintomas de gripes e resfriados com um potente* efeito analgésico, descongestionante e antialérgico, para ajudar a dormir melhor5.

Encontre aqui Saiba mais

Suplemento Alimentar

Embalagem do Benegrip® Imuno Energy

Benegrip® Imuno

Cuida da sua imunidade e energia para te ajudar na recuperação da gripe.

Encontre aqui Saiba mais