Gripe da tontura

Será que gripe dá tontura?

Os sintomas clássicos da gripe todo mundo conhece: febre, dor de cabeça, dor no corpo e coriza. No entanto, existem outras queixas menos famosas que estão associadas a essa infecção e acabam causando dúvidas para a pessoa que está doente.

Um exemplo desse tipo de mal-estar é quando a gripe causa tontura ou perda de equilíbrio, o que está diretamente ligado aos processos inflamatórios nos seios da face e garganta, responsáveis pela dor de cabeça.

Entenda melhor esse sintoma e confira o que pode ser feito para amenizar a situação e evitar acidentes durante a fase de recuperação da gripe. Continue lendo!

O que é a gripe e quais seus sintomas?

Antes de chegarmos ao tema central e falar sobre a gripe causar tontura, vamos ressaltar o que é a doença e quais os sintomas principais.

A gripe é um tipo de infecção do sistema respiratório, causada pela contaminação do organismo pelo vírus da Influenza, que atinge principalmente as mucosas ao longo das narinas, garganta e pulmões, tomando conta da estrutura celular para poder se propagar.

Com isso, ele desencadeia diversos processos inflamatórios e reações do sistema imune, provocando os seguintes sintomas:

  • febre;
  • dor de cabeça;
  • dor no corpo;
  • coriza;
  • congestão nasal;
  • tosse;
  • garganta inflamada;
  • indisposição e fadiga.

Em geral, o quadro de gripe dura uma média de sete a dez dias, com a fase inicial de três dias trazendo os sintomas mais fortes e a febre. Após esse período, é esperado que a intensidade da doença diminua gradativamente até a recuperação completa.

Gripe dá tontura? Por que isso acontece?

Sim, apesar de não ser um dos sintomas diretamente ligado a essa infecção viral, a gripe pode dar tontura, perda de equilíbrio e até causar quedas. A cabeça fica leve, a vista embaça e a sustentação do corpo perde a força.

Mas afinal de contas, por que isso acontece?

A resposta não é tão direta, considerando que esse sintoma não é percebido em todos os casos e não costuma ser apontado como parte específica do quadro. A forma como a infecção atinge o organismo e até os cuidados adotados pela pessoa doente no tratamento influenciam a questão da tontura durante a gripe.

Em um primeiro caso, temos o risco de desidratação durante a gripe. Por conta da febre e do esforço implementado pelo sistema imune para combater o vírus, o corpo tende a perder líquidos rapidamente. Dessa forma, se a pessoa gripada não beber bastante água, sucos e chás, pode ficar desidratando.

Com a desidratação, a dor de cabeça pode ficar mais intensa e o corpo tende a enfraquecer, favorecendo eventos em que a gripe dá tontura e a pessoa doente perde a sustentação.

Também pode ser que a inflamação do sinus e da garganta, que causam a sensação de congestão nasal e estão ligadas à dor de cabeça da gripe, estejam por trás da tontura. Isso acontece principalmente quando a intensidade do quadro é maior.

Nesses casos, a inflamação pode se estender para as regiões adjacentes, causando uma otite aguda, inflamação do ouvido médio e, por consequência, zumbido, tontura, dor de cabeça e zonzeira.

Por fim, podemos entender que a gripe dá tontura quando o corpo está enfraquecido e ocorre falta de nutrientes, tão importantes para a recuperação quanto a água.

É comum que uma pessoa gripada perca o apetite durante a fase mais aguda da doença, logo nos primeiros dias, devido a dor de garganta e irritação local. Porém, é essencial manter uma alimentação rica em nutrientes para manter o corpo forte e capaz de combater a infecção, principalmente com sopas, caldos e canjas.

Caso contrário, os sintomas de dor de cabeça, fadiga e indisposição podem se intensificar por conta da fraqueza e baixa quantidade de vitaminas e minerais no organismo, provocando mal-estar e tontura.

Dor de cabeça e zonzeira por causa da gripe: como tratar?

Estabelecendo que a gripe dá tontura e dor de cabeça, é hora de entender como esses sintomas podem ser tratados para diminuir o desconforto da pessoa gripada.

Em primeiro lugar, o repouso é essencial durante a gripe e pode evitar muitas situações que levariam à perda do equilíbrio, por exemplo, ao realizar movimentos bruscos ou se levantar rapidamente.

Como o organismo está priorizando o combate ao vírus, pode ser que a fadiga e fraqueza no corpo elevem as chances de esse episódio ocorrer.

Isso fica ainda mais importante nos primeiros dias da gripe, quando temos febre recorrente, com sintomas e quadro inflamatório mais intenso. Nessa fase da doença, o corpo fica ainda mais indisposto e enfraquecido.

Além disso, é recomendado reforçar a hidratação e a alimentação para evitar o risco de falta de líquidos e nutrientes no corpo durante uma fase de alta demanda desses componentes. Assim, o risco da gripe dar tontura é reduzido.

Vale destacar ainda que o tratamento padrão da gripe voltado para o alívio de sintomas, como inflamação, dor de cabeça e febre, também pode ajudar a reduzir esse risco. Na maioria dos casos, se a gripe der tontura, é possível apenas se resguardar e esperar que passe.

Porém, se o sintoma persistir por vários dias, mesmo que o quadro geral tenha melhorado, pode ser necessário procurar atendimento médico para obter uma avaliação mais adequada sobre o mal-estar.

Como cuidar de gripes e resfriados corretamente?

O uso de medicamentos antigripais pode ser útil para assegurar uma recuperação rápida e tranquila. Com eles, é possível controlar a inflamação e a febre, além de suavizar a sensação de dor e os sintomas alérgicos que acompanham o quadro, como o nariz entupido e o catarro.

Também é muito importante beber bastante água para evitar a desidratação, principalmente se a febre persistir. 

A alimentação também merece cuidados extras e deve ser composta principalmente por sopas, caldos e canjas, preparadas com ingredientes que ajudam o corpo a lidar com a inflamação, como é o caso do alho, do fubá e da carne de frango.

Dessa forma, é possível reduzir o mal-estar e facilitar a recuperação, além de diminuir os casos em que a gripe dá tontura e a intensidade elevada da doença pode resultar em complicações mais sérias.

Esperamos que o conteúdo tenha esclarecido suas dúvidas. Para mais informações sobre sintomas e tratamentos para gripes e resfriados, continue acompanhando as postagens do Portal da Saúde. Até a próxima!

Se for gripe, Benegrip!!

Imagem ilustrativa com embalagens dos produtos Benegrip Família Em fundo laranja, com o texto escrito

Benegrip tem a linha mais completa* do mercado para o tratamento dos sintomas de gripes e resfriados. Para promover o bem-estar e te ajudar a enfrentar a gripe , Benegrip está disponível em diferentes versões, para variados momentos e necessidades de toda a família!

Benegrip: versão tradicional e eficaz contra os sintomas da gripe. Com o poder dos 2 comprimidos (verde e laranja), combate as dores, febre, congestão nasal . Saiba mais sobre Benegrip.

Benegrip Multi: :antigripal líquido infantil para crianças a partir de 2 anos. Sua fórmula é feita à base de paracetamol, que combate as dores e a febre. Além disso, tem descongestionante e antialérgico que ajuda a acabar com o nariz entupido. Conheça o Benegrip Multi para cuidar da gripe das crianças!Saiba mais sobre Benegrip Multi.

Benegrip Multi Dia e Multi Noite Fórmulas pensadas especialmente para os diferentes sintomas do Dia e da Noite e com forte** poder analgésico e descongestionante. A versão Dia não dá sono e contém descongestionante nasal. Já a versão Noite tem antialérgico e ajuda a dormir melhor. Veja como Benegrip Multi Dia. e Benegrip Multi Noite. podem te ajudar.

*Linha com a maior quantidade de SKUs do mercado de antigripais. Fonte: IQVIA-PMB Dez/21.

**Fórmula com alta concentração de ativos (800mg de paracetamol + 20mg de fenilefrina)

Bula do produto: Benegrip.
Bula do produto: Benegrip Multi.
Bula do produto: Benegrip Multi Dia.
Bula do produto: Benegrip Multi Noite.

Benegrip. dipirona monoidratada, maleato de clorfeniramina, cafeína. Indicações: tratamento sintomático da gripe e resfriado. MS 1.7817.0092. Benegrip Multi. paracetamol, cloridrato de fenilefrina, maleato de carbinoxamina. Indicações: analgésico e antitérmico. Descongestionante nasal em processos de vias aéreas superiores. MS 1.7817.0768. Benegrip Multi Dia. paracetamol, cloridrato de fenilefrina. Indicações: para o tratamento dos sintomas das gripes e resfriados, como dor, febre e congestão nasal. MS 1.7817.0869 Benegrip Multi Noite. paracetamol, cloridrato de fenilefrina, maleato de carbinoxamina. Indicações: para o tratamento dos sintomas das gripes e resfriados, como dor, febre, congestão nasal e coriza. MS 1.7817.0868. SE PERSISTIREM OS SINTOMAS, O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO. Dez/21.

Encontre o Benegrip ideal para você

Imagem da embalagem de Benegrip.

Benegrip®

O poder dos dois comprimidos
Benegrip® combate de maneira eficaz os sintomas de gripes e resfriados.1

Encontre aqui Saiba mais
Imagem da embalagem de Benegrip® Multi Dia.

Benegrip® Multi Dia

Combate os sintomas de gripes e resfriados, com um potente* efeito analgésico e descongestionante, sem dar sono4.

Encontre aqui Saiba mais
Imagem da embalagem de Benegrip® Multi Noite.

Benegrip® Multi Noite

Combate os sintomas de gripes e resfriados com um potente* efeito analgésico, descongestionante e antialérgico, para ajudar a dormir melhor5.

Encontre aqui Saiba mais

Suplemento Alimentar

Embalagem do Benegrip® Imuno Energy

Benegrip® Imuno

Cuida da sua imunidade e energia para te ajudar na recuperação da gripe.

Encontre aqui Saiba mais