Usamos cookies para personalizar conteúdos e melhorar a sua experiência. Para mais informações, acesse o nosso Aviso Externo de Privacidade.

Suplemento de zinco: benefícios para a saúde e imunidade

27/05/2022 suplemento-de-zinco

O suplemento de zinco é uma importante alternativa para garantir a ingestão desse nutriente e aproveitar os seus potenciais benefícios para a saúde, principalmente quando observamos seu papel no fortalecimento da nossa imunidade. 

Hoje vamos falar tudo que você precisa saber sobre esse reforço para o seu organismo, mas antes, fique por dentro do que é o zinco, como ele age no organismo e quais problemas são associados à carência do nutriente. 

Depois, vamos listar alguns alimentos que são fonte natural de zinco para incluir na dieta, para depois explicar o que é o suplemento de zinco e por que ingerir esse produto para melhorar a saúde e as defesas do nosso corpo. 

Aproveite a leitura! 

O que é o zinco? 

O zinco é um dos minerais essenciais para o corpo humano, encontrando amplamente em alimentos, suplementos e medicamentos diversos, já que ele traz uma série de benefícios para o organismo e participa ativamente de vários processos do nosso metabolismo. 

Para que serve o zinco no organismo? 

De modo geral, o zinco serve como catalisador, elemento estrutural ou elemento regulador em diversos processos fisiológicos, o que dá uma ideia da importância desse mineral para a saúde do nosso organismo. 

Acredita-se que o zinco é essencial para a ação de aproximadamente 100 enzimas diferentes, além de participar da síntese de proteínas, divisão celular, síntese de DNA, cicatrização, estimula a produção hormonal e melhora a qualidade sensorial do paladar e olfato.  

Também desempenha um papel importante no crescimento e desenvolvimento infantil, desde a gestação até a adolescência. 

Por fim, o zinco também serve para estimular e fortalecer a atividade do nosso sistema imune, contribuindo para a produção de células de defesa, como os linfócitos, e atuando no combate a vírus e bactérias. 

A partir de todas essas interações, podemos entender que os principais benefícios do zinco são: 

  • Auxilia na absorção e aproveitamento de diversos nutrientes; 
  • Participa do desenvolvimento saudável do organismo; 
  • Fortalece o sistema imunológico; 
  • Acelera a cicatrização de lesões; 
  • Previne infecções e outras doenças, como o diabetes e alguns tipos de câncer. 

Quais são os problemas causados pela falta de zinco? 

Em contrapartida aos benefícios citados, algumas pessoas podem sofrer com a carência de zinco no organismo, o que pode levar ao surgimento de uma série de problemas, tais como lentidão no ritmo de crescimento infantil, diminuição do apetite e baixa imunidade. 

Casos mais severos de deficiência de zinco também podem causar: 

  • Queda de cabelos; 
  • Impotência; 
  • Atraso da puberdade; 
  • Pré-disposição a lesões de pele e nos olhos; 
  • Perda de peso; 
  • Problemas de cicatrização; 
  • Alterações no paladar e olfato; 
  • Dificuldade de raciocínio e problemas psicológicos. 

Além disso, é importante citar que a deficiência de zinco também pode levar a dificuldade do corpo em absorver outros nutrientes, prejudicando diversas funções metabólicas que necessitam dessas vitaminas e proteínas. 

Grupos com maior risco de carência de zinco 

Apesar de incomum, a deficiência de zinco é algo que precisa ser cuidada para garantir saúde e bem-estar de cada pessoa. De modo geral, os grupos com maior risco de apresentar carência desse nutriente são: 

  • Pessoas com problemas gastrointestinais, que podem dificultar a absorção de zinco; 
  • Vegetarianos e veganos, já que dietas à base de plantas pode apresentar menor disponibilidade do nutriente; 
  • Mulheres durante a gestação e amamentação, já que o corpo usa as reservas de zinco para o desenvolvimento do feto e enriquecimento do leite materno; 
  • Bebês acima dos 6 meses de idade que não iniciaram a introdução alimentar. 

Isso não significa que todos indivíduos desses grupos sofrem com a falta desse nutriente, mas sim que eles devem redobrar o cuidado para garantir a sua ingestão, seja por meio de uma dieta completa ou pelo uso de suplementos de zinco. 

Alimentos ricos em zinco para incluir na dieta 

Para garantir a sua ingestão, confira alguns alimentos que são fonte de zinco e podem ser incorporados à sua dieta: O zinco é encontrado naturalmente em alimentos de origem animal e vegetal, além de ser utilizado para o enriquecimento de produtos industrializados e para a formulação de medicamentos e suplementos alimentares. 

  • Ostras; 
  • Carne vermelha; 
  • Ovos; 
  • Frutos do mar; 
  • Cereais enriquecidos; 
  • Feijão; 
  • Nozes; 
  • Grão-de-bico; 
  • Semente de abóbora; 
  • Castanhas; 
  • Amendoim. 

O que é o suplemento de zinco? 

O suplemento de zinco é um composto alimentar que visa suprir a necessidade de ingestão desse nutriente para pessoas que tem dificuldade em obtê-lo naturalmente por meio da sua dieta regular ou que apresentam uma demanda elevada, como é o caso de praticantes de atividades físicas. 

Em muitos casos, suplementos alimentares podem combinar diversos nutrientes para atender a demanda do organismo e garantir benefícios notáveis para a saúde e bem-estar do indivíduo.  

Atualmente, suplementos voltados para o fortalecimento das defesas do organismo podem combinar vitaminas e minerais que contribuem para essa função, como é o caso da combinação de vitamina C e zinco para melhorar a imunidade. 

Por que tomar suplemento de zinco? 

É possível tomar o zinco para aumentar a imunidade e estimular as funções do metabolismo que necessitam desse nutriente, de forma as suas reservas no organismo se mantenham disponíveis para momentos de maior demanda, como durante o combate à doenças e microrganismos invasores. 

Dessa forma, um bom motivo para tomar o suplemento de zinco é exatamente a prevenção de doenças diversas. Não só pelo estímulo que o mineral fornece para nossos mecanismos de defesa, mas também pela sua participação ativa no desenvolvimento e manutenção de funções biológicas mais eficientes e saudáveis. 

Principalmente entre aqueles com perfil que se encaixa nos grupos de risco citados, essa pode ser uma forma de evitar problemas associados à carência de zinco. 

No entanto, é essencial adotar cuidados para não sofrer pelo contrário, ou seja, desenvolver problemas pelo excesso de zinco no organismo.  

Por isso, sempre siga as recomendações de uso informadas pelo rótulo do produto e, se for necessário, consulte seu médico sobre a possibilidade de tomar o suplemento de zinco. 

O zinco tem um papel importantíssimo para o nosso organismo e agora você já sabe como ele contribui para sua saúde e bem-estar. E então, qual sua fonte de zinco favorita?

As crianças estão gripadas? Tem Benegrip Multi!

Imagem ilustrativa com a embalagem do produto Benegrip Multi. Em fundo verde limão, com o texto escrito

Benegrip Multi é um antigripal líquido desenvolvido especialmente para as crianças a partir de 2 anos!
Em sabor frutas vermelhas, sua formulação combina a ação de três ativos que ajudam a combater os principais sintomas de gripes e resfriados que atingem as crianças.

Paracetamol: alívio das dores e febre
Fenilefrina: descongestionante nasal
Carbinoxamina: antialérgico que ajuda a aliviar a coriza

Benegrip Multi: pode ser usado em crianças a partir de 2 anos*. Clique aqui e saiba mais!
*Medicamento não deve ser utilizado no tratamento de bebês até 2 anos de idade, somente para crianças acima dessa idade.