Sintomas de gripes fortes: conheça diferentes tipos de gripe e dicas de tratamento

19/03/2021 sintomas-de-gripe-forte

Sentir-se mal ao pegar uma gripe ou mesmo um simples resfriado é algo normal, afinal de contas tratam-se de infecções virais que, mesmo no caso mais leve do resfriado, podem trazer muito desconforto. No entanto, é preciso ficar atento à evolução dos quadros de sintomas de gripes fortes.

Mesmo que se trate de uma doença relativamente simples, onde o próprio sistema imunológico será responsável por promover a cura, há risco de complicações nos sintomas de uma gripe muito forte que pode evoluir para um quadro de pneumonia, levando a pessoa ao óbito, em alguns casos.

Em todo o mundo, anualmente, entre 5% e 15% da população pode ser infectada pelo vírus da Influenza, com casos graves chegando a 5 milhões.

De qualquer forma, reunimos aqui uma lista dos sintomas de uma gripe muito forte, quais os cuidados indicados para aliviar cada um deles e quais os tipos de gripe que podem afetar os humanos.

Quais os sintomas da gripe?

Antes de mais nada é importante trazer uma lista dos principais sintomas de uma gripe forte, seja um quadro leve ou mesmo daquelas que afetam bastante a saúde e o bem-estar da pessoa infectada. Confira:

  • Febre alta, acima de 38°C;
  • Sensação exagerada de cansaço;
  • Perda de apetite e do paladar;
  • Dor de cabeça;
  • Garganta inflamada;
  • Tosse e espirros;
  • Coriza;
  • Dores musculares;
  • Calafrios.

De modo geral, os sintomas de gripe mais forte surgem de repente e se mantêm mais agressivos nos primeiros 3 dias. Depois desse período, o esperado e mais comum é que a febre baixe e os outros sintomas comecem a desaparecer.

A duração total de um quadro de gripe comum gira em torno de 7 a 10 dias, variando de pessoa para pessoa.

Qual a diferença entre gripe e resfriado?

Mesmo que sejam muito parecidos e até compartilhem boa parte das recomendações de tratamento, é importante estabelecer qual a diferença entre gripe e resfriado. Na gripe, o quadro é mais grave e os sintomas mais intensos.

Não só os sintomas de uma gripe forte costumam causar febre alta, mas a complicação principal do quadro é a pneumonia, conforme mencionado anteriormente. Em especial para pessoas do grupo de risco, como idosos, crianças e gestantes, é importantíssimo começar o tratamento o mais rápido possível.

No caso do resfriado, a situação é desconfortável, mas também é mais simples. Os sintomas do resfriado têm menor intensidade, poucos casos apresentam febre, que quando ocorre se mantém normalmente abaixo dos 38°C.

Como tratar os sintomas de gripe forte

O ideal é sempre buscar o auxílio de um médico especializado para um diagnóstico completo, mas existem algumas ações que podem ajudar a trazer mais conforto para a pessoa com gripe forte.

Dito isso, aqui vão algumas dicas de como cuidar dos sintomas da gripe. Veja:

Febre alta

febre alta em gripe muito forte

A febre alta precisa ser controlada para evitar piora e quadros mais graves de gripe. Para isso, é recomendado fazer o uso de antigripais com ação antitérmica, como os que contam com dipirona ou paracetamol em sua fórmula.

Outra medida que pode ser adotada é a utilização de toalhas ou panos úmidos na testa e axilas, contribuindo para regular a temperatura corporal. Banhos levemente frios também ajudam, mas é bom evitar a famosa friagem, correntes de ar, ao sair do chuveiro.

Coriza

Um desconforto recorrente durante a gripe é a coriza, quando o nariz fica entupido e escorrendo o tempo todo. Para tratar esse sintoma da gripe, é recomendado a inalação ou nebulização, além de lavar as narinas com soluções salinas e descongestionantes nasais.

Dores, desconforto e cansaço

Entre os sintomas de uma gripe forte, as dores no corpo e na cabeça costumam gerar muitas queixas. Para esse sintoma, é recomendado fazer uso de analgésicos. Os medicamentos mais comuns são novamente à base de dipirona, paracetamol ou ibuprofeno.

Vale lembrar que um antigripal completo conta combina a ação antitérmica, analgésica e descongestionante através da formulação com diferentes ativos, para evitar a necessidade de tomar diversos remédios simultaneamente.

Para lidar com a sensação de cansaço e desconforto, o jeito é repousar e ingerir bastante líquidos. Isso evita sobrecarga do organismo e fortalece a imunidade. Existem alimentos recomendados no tratamento da gripe, entre os quais podemos citar:

  • Sopas de legumes;
  • Canja de galinha;
  • Suco de laranja com cenoura;
  • Entre outros.

O ideal é usar temperos mais leves, até para facilitar a ingestão. Também recomenda-se alimentos ricos em vitamina C para auxiliar o sistema imunológico, bem como a ingestão constante de líquidos.

Tosse e garganta inflamada

A tosse é causada pela inflamação na garganta e acúmulo de secreção. Para o tratamento desse sintoma da gripe forte, é indicado novamente a ingestão de líquidos. Beber água garante a hidratação e evita o ressecamento.

Chás também são muito recomendados, normalmente incluindo ingredientes como mel, limão, gengibre, canela e até mesmo o alho, que tem ação anti-inflamatória.

Calafrios e tremores

Alguns casos de gripes mais fortes podem provocar calafrios e tremores. Para isso, além da administração de antitérmicos, a pessoa doente deve se manter agasalhada e longe de correntes de ar.

E lembre-se, nunca deixe de consultar um médico para garantir que está atuando de forma certeira nos sintomas apresentados.

Quais são os tipos de gripe?

A gripe é uma infecção respiratória causada pelo vírus da Influenza. Esse vírus apresenta diferentes mutações, dos tipos A e B, podendo causar diferentes tipos de gripe. Assim, os tipos de gripe presentes no Brasil, que podem afetar os seres humanos, são:

  • Gripe H3N2;
  • Gripe H1N1;
  • Influenza B.

A gripe H3N2 e a Influenza B são as que apresentam os sintomas mais comuns, citados acima. A Gripe H1N1, que ficou conhecida como gripe suína por também infectar os porcos, soma aos sintomas de gripe mais forte a dor de cabeça de maior intensidade, dores nas articulações, náuseas, diarréia e pode causar falta de ar.

Diferença entre gripe, dengue, zika e covid-19

Mesmo com os sintomas de uma gripe mais forte, o comum é que eles apresentem uma melhora por volta de 3 dias do início do quadro. Caso isso não aconteça, é possível que se trate de outras doenças, como dengue, zika, chikungunya e covid-19.

As diferenças entre gripe, dengue, zika e chikungunya são variadas. De início, temos o agente causador. A gripe é causada pelo vírus Influenza, enquanto as demais são transmitidas pelo mosquito Aedes Aegypti.

Outra diferença é que mesmo as gripes mais fortes duram em torno de 7 a 10 dias, no caso das doenças citadas a infecção pode durar até 15 dias.

Além de apresentar sintomas levemente diferentes e em intensidade variada, a época de contágio também costuma facilitar o diagnóstico.

Enquanto a gripe é mais comum em épocas de clima frio e seco, como outono e inverno, as doenças transmitidas pelo mosquito ocorrem com maior frequência no verão, com tempo úmido, que facilita a formação de ambientes próprios para reprodução do Aedes Aegypti.

Por fim, temos a covid-19, onde o quadro febril e a infecção causada pelo coronavírus são bem similares. A incidência de falta de ar e perda e olfato são relatados por pacientes com covid-19, mas estes sintomas não ocorrem em todos os casos.

Veja o comparativo entre gripe, resfriado e covid-19:

Fonte: Governo do Estado do Paraná. Coronavírus, Troque a preocupação pela informação. Saiba a diferença entre covid-19, resfriado e gripe. Disponível em: <http://www.coronavirus.pr.gov.br/Campanha/Pagina/Saiba-diferenca-entre-Covid-19-resfriado-e-gripe>. Acesso em: dezembro/2020.

Fique atento a esses fatores e procure o médico em caso de sintomas de gripe mais fortes, que durem mais de 3 dias.

Referências consultadas

*Linha com a maior quantidade de SKUs do mercado de antigripais. Fonte: IQVIA-PMB Mar/21.

Bula dos produtos Benegrip, Benegrip Multi, Benegrip Multi Dia e Benegrip Multi Noite.

Organização Pan-Americana da Saúde – OPAS Brasil. Boletim Informativo : SVS – Influenza (Gripe) – Semana Epidemiológica (SE) 32. Disponível em <https://www.paho.org/bra/index.php?option=com_content&view=article&id=2970:boletim-informativo-svs-influenza-gripe-semana-epidemiologica-se-32&Itemid=463>. Acesso em dezembro/2020.

Josling P. Preventing the common cold with a garlic supplement: a double-blind, placebo-controlled survey. Adv Ther. 2001; 18(4):189-93. Disponível em <https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/11697022/>. Acesso em dezembro/2020.Governo do Estado do Paraná. Coronavírus, Troque a preocupação pela informação. Saiba a diferença entre covid-19, resfriado e gripe. Disponível em: <http://www.coronavirus.pr.gov.br/Campanha/Pagina/Saiba-diferenca-entre-Covid-19-resfriado-e-gripe>. Acesso em: dezembro/2020.

Se for gripe, Benegrip!

Imagem ilustrativa com embalagens dos produtos Benegrip, Benegrip Multi Dia, Benegrip Multi Noite e Benegrip Multi. Em fundo laranja, com o texto escrito

Benegrip tem a linha mais completa* do mercado para o tratamento dos sintomas de gripes e resfriados. Para promover o bem-estar e te ajudar a enfrentar a gripe , Benegrip está disponível em diferentes versões, para variados momentos e necessidades de toda a família!

Benegrip: versão tradicional e eficaz contra os sintomas da gripe. Com o poder dos 2 comprimidos (verde e laranja), combate as dores, febre, congestão nasal. Saiba mais sobre Benegrip

Benegrip Multi: antigripal líquido infantil para crianças a partir de 2 anos. Sua fórmula é feita à base de paracetamol, que combate as dores e a febre. Além disso, tem descongestionante e antialérgico que ajuda a acabar com o nariz entupido. Conheça o Benegrip Multi para cuidar da gripe das crianças!

Benegrip Multi Dia e Multi Noite: Fórmulas pensadas especialmente para os diferentes sintomas do Dia e da Noite e com forte** poder analgésico e descongestionante. A versão Dia não dá sono e contém descongestionante nasal. Já a versão Noite tem antialérgico e ajuda a dormir melhor. Veja como Benegrip Multi Dia e Multi Noite podem te ajudar.
*Linha com a maior quantidade de SKUs do mercado de antigripais. Fonte: IQVIA-PMB Mar/21. **Fórmula com alta concentração de ativos (800mg de paracetamol + 20mg de fenilefrina)

posts relacionados